Núcleo de Performance e Intervenção

não será oferecido neste semestre

Pesquisador: Pedro Braga

Perfil: Educador, artista e pesquisador das relações entre Performance e Educação. Atualmente ensina Artes na rede pública da prefeitura de São Paulo, tem, com seu companheiro André Pédico, o canal Pirilampo_artes para novas gentes no youtube e cursa o mestrado na FEUSP com orientação de Ana C. Zimmermann. Formado em Artes Cênicas - Direção Teatral, já tendo encenado oito peças entre 2010 e 2017, além de participação como ator/performer em outros espetáculos. Vegetariano, adora cozinhar e tem um gato amarelo chamado Bóris. 

Contato: peluisbraga@gmail.com

Facebook: https://www.facebook.com/pluisbraga

Performance, intervenção, happening, arte conceitual, arte relacional... essas são todas palavras usadas para definir um campo, na Arte Contemporânea, que ocupa um lugar híbrido, de fronteira entre as tradicionais artes cênicas, plásticas, arquitetura, poesia e música.

Neste núcleo iremos investigar/experimentar esta poética como uma forma de responder a questões que nos atravessam hoje, utilizando-se, para isso, da linguagem coral, do processo colaborativo, de textos poéticos e filosóficos.

Trata-se de uma tentativa de propor, de forma laboratorial, experimental, um aprender-fazer-ensinar em Arte que surja do desejo de responder a questões sociais do agora (educação/política/gênero/raça/mídia) com uma voz que seja coletiva, sempre inspirados por artistas que têm trilhado esses caminhos incertos do hibridismo das linguagens. Trata-se de um saber-fazer arte que não é amparado necessariamente pela técnica, mas pela ideia, pelo conceito e pelo ímpeto de criação, na Realidade, de pequenas cisões, pequenos desconfortos, pequenas desordens, pequenos instantes de beleza que rompam com o automatismo, com o obscurantismo e com o idealismo.

Veja um pouquinho do que rolou no primeiro semestre de 2018

Inspiração

Inspiração

Performance: Cegos Desvio Coletivo Foto: Eduardo Bernardino